10 Hábitos de pessoas resilientes que as diferencia de outras pessoas

Publicado por JulianaZati em

É comum pensar que resiliência é algo semelhante a uma capacidade inata, uma característica que nasce espontaneamente em algumas pessoas que têm que enfrentar situações adversas.

No entanto, a resiliência não é uma característica da pessoa que nasceu com ela. É um processo no qual o indivíduo entra em uma dinâmica de interação com os outros e com o meio ambiente para que possa superar as adversidades.

Em outras palavras: a resiliência psicológica não existe, mas é algo que se desenvolve e se aprende a manter.

É por isso que um dos pilares da resiliência está diretamente nos hábitos de quem consegue desenvolvê-la.

O que esse tipo de pessoa tem em comum?

1. Eles tomam medidas para melhorar sua autoestima

Eles são capazes de reconhecer que as ações que tomam hoje irão mudar a maneira como eles se percebem amanhã. Portanto, direcionam parte de suas ações para a melhoria da autoestima e da autoconfiança, e o fazem de forma mais ou menos consciente, para garantir a eficácia dessas medidas e para serem constantes nessa tarefa.

2. Eles se envolvem em tarefas criativas

A criatividade é uma das maneiras de fazer com que tudo em nossos pensamentos se concentre na resolução de um novo desafio. A percepção de criar algo original torna este hábito muito estimulante.

Pessoas resilientes sabem disso e por isso gostam de alternar costumes do dia-a-dia com um pouco de novidade e exigência para si mesmas.

3. Eles mantêm uma atitude inabalável quando necessário

Pessoas capazes de desenvolver uma boa resiliência são capazes de detectar aquelas situações em que é praticamente impossível fazer a mudança de contexto no curto ou médio prazo.

Isso permite que eles não tenham ilusões ociosas e que seus esforços para se adaptarem ao que lhes acontece se concentrem em administrar sua forma de vivenciar o que acontece nessa nova situação.

4. Nunca param de buscar seus objetivos!

Aceitar situações que a princípio parecem extremamente ruins, como uma separação após um longo namoro ou o surto de uma doença, não significa que a partir daquele momento todos os aspectos da vida dessa pessoa giram em torno daquele contexto percebido como negativo.

Pessoas resilientes apresentam propensão a aproveitar a atenção seletiva: em vez de ficar o dia todo pensando nas coisas ruins que acontecem com elas, elas se concentram nos objetivos a serem desenvolvidos. 

Em última análise, definir metas com significado pessoal, não importa o quão insignificantes ou importantes essas metas possam ser, é o que nos permite administrar bem nossos hábitos e assumir o controle de nossas ações.

A resiliência consiste, em parte, em orientar-se para o horizonte do possível.

5. Eles se cercam de pessoas com uma atitude positiva

Pessoas resilientes são resilientes, entre outras coisas, porque passaram por alguma situação difícil que os levou a treinar em sua própria gestão emocional.

Isso significa que presumem a existência de uma fonte de ansiedade que pode gerar tensão e, longe de fingir ignorá-la ou tentar suprimir sua memória (algo praticamente impossível), simplesmente dirigem sua atenção para outro lugar. 

6. …Mas também são como todos os tipos de seres humanos!

Viver a vida normalmente inclui não ser limitado por uma bolha de amigos e conhecidos que atendem a características muito específicas. Portanto, alguém com um bom domínio de estratégias de enfrentamento não terá muitos problemas para interagir com todos os tipos de pessoas de vez em quando.

7. Eles se mantém ocupados o dia todo

Manter uma atitude ativa os ajuda a se concentrar e alcançar os objetivos desejados, o que, por sua vez, tem um impacto positivo em sua própria autoestima e autoconfiança.

8. Eles praticam esportes ou meditação

A meditação parece ter múltiplos benefícios, entre os quais a facilitação do aparecimento de pensamentos positivos e a redução do estresse.

9. Eles usam o humor para se fortalecer

O humor é um recurso inestimável para minimizar as coisas e, ao mesmo tempo, receber um sorriso em troca.

Fazer piadas sobre algo relacionado a problemas pessoais é perfeitamente saudável, visto que o assunto é abordado obtendo-se uma resposta emocional agradável e que nos livra do peso do estresse.

10. Eles pensam sobre o que podem fazer a longo prazo

Enfrentar a adversidade significa olhar além do estresse ou tristeza que pode ser experimentado de vez em quando.

Por isso, quem conseguiu entrar em uma dinâmica de resiliência planeja seus objetivos e faz alguns deles projetados para o longo prazo.

Isso ajuda a manter os pensamentos fixos naquilo que pode ser mudado para melhor e, além disso, o fato de poder mudar materialmente o contexto facilita o enfrentamento de situações negativas.

Todas as informações nesse post são de acordo com a minha experiência pessoal*


JulianaZati

Olá, eu sou a Juliana Zati e estou muito feliz em te ver no meu blog! Aqui eu tento passar um pouquinho do que eu vivi e aprendi e espero te inspirar de alguma forma.

1 comentário

Teresa · agosto 12, 2020 às 12:14 am

muito eu , adorei,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *